Mulher é apanhada a fingir agressão para receber seguro de trabalho

Uma norte-americana foi apanhada pelas câmaras de videovigilância do seu local de trabalho a agredir-se com uma peça de metal que tinha caído do teto do escritório. O objetivo era alegar que a peça lhe havia caído diretamente na cabeça.

Sheyla Veronica White, funcionária de escritório em Fort Lauderdale, queria acionar o seguro de acidente de trabalho, mas a seguradora acabou por abrir uma investigação ao incidente e concluiu que esta ação se tratou de uma tentativa de fraude. A mulher foi condenada a 18 meses de liberdade condicional.