Câmara de Guimarães promove parceria para edição de obras de Raul Brandão

  • Publicado em Sociedade
Coleção de 8 obras

A Câmara Municipal de Guimarães, em parceria com o Público e a editora "A Bela e o Monstro", e no seguimento das Comemorações dos 150 Anos do Nascimento de Raul Brandão, que decorreram durante o ano de 2017, promove a edição de obras de Raul Brandão nas suas edições originais fac-similadas. Cada uma das edições será objeto, por parte de um especialista e amante da obra de Raul Brandão, de um texto crítico.  António Carlos Cortez, Eugénio Vasques, Fernando Pinto do Amaral, António Valdemar, Maria João Reynaud, entre outros, são os nomes escolhidos. 

A coleção estará disponível a partir do próximo dia 27 de janeiro e será vendida, todos os sábados, com o Jornal Público. O primeiro volume da coleção é a obra "Os Pescadores", edição original de 1923. A restante coleção é composta pelas obras "A Morte do Palhaço e o Mistério da Árvore", "A Farsa", "Teatro", "O Pobre de Pedir", "Impressões e Paisagens", "Jesus Cristo em Lisboa" e "Húmus".

Recorde-se que, durante 2017, a Câmara Municipal de Guimarães promoveu a primeira edição do Húmus – Festival Literário de Guimarães, destinado a divulgar a obra de Raul Brandão por todo o país, com especial destaque para o meio escolar do concelho de Guimarães.